Auricchio quebra recesso para votar dissídio de servidores

 Presidente da Câmara afirmou que prefeito consultou Legislativo nesta quarta; outros dois projetos do Executivo serão votados

Pio Mielo aceitou quebrar recesso da Câmara de São Caetano em julho. Foto: Divulgação

O presidente da Câmara de São Caetano, Pio Mielo (MDB), afirmou que o recesso do Legislativo será quebrado pelo prefeito José Auricchio Júnior (PSDB) para a votação de três projetos do Executivo. As votações ocorrerão na semana que vem. “O prefeito consultou nesta quarta-feira (04/07) tanto a mim quanto ao líder de governo, Titie Campanella, e não fizemos objeções”, afirmou.

De acordo com o emedebista, entre o projetos está o dissídio dos servidores. “Não tenho o índice exato porque o projeto não chegou, mas nos informaram que será em mais de 2%, que é a reposição da inflação. O índice oficial ainda será divulgado pela Secretaria da Fazenda e o Sindserv (Sindicato dos Servidores Públicos)”, afirmou.

Para Pio, aceitar a quebra do recesso, significa um “comprometimento dos vereadores com o funcionalismo público”.

Outros dois projetos que serão votados tratam de sucumbência para procuradores do município e ordenamento público.

2 Comentários

Comments are closed.