2 de dezembro de 2021

Auricchio acusa assessores do vereador César Oliva de destruírem placas; Veja vídeo

Mais visitadas

Durante a madrugada foram danificadas 1,2 mil placas com propaganda eleitoral; um carro e três motos foram flagrados por câmeras

 

O prefeito de São Caetano, José Auricchio Júnior (PSDB), acusou dois assessores parlamentares do vereador César Oliva de participarem da destruição de 1,2 mil placas com propaganda eleitoral de sua coligação. Segundo o prefeito, as câmeras flagraram o ato e foi possível identificar entre os autores Paulo Finoteli Barbosa, que tem um salário na Câmara de R$ 16.793,87, e Ricardo Galdino da Silva, cujo vencimento mensal é de R$ 15.245,72.

“Estamos ingressando com uma notícia crime por destruição. Destruíram mais de 1.200 imagens”, afirmou o prefeito ao acrescentar que o parlamentar teria solicitado a exoneração dos assessores. Para o prefeito, “houve mando e comando do mesmo gabinete”, afirmou o prefeito em entrevista aos jornalistas Leandro Amaral e Carlos Carvalho, do Repórter Diário.

Para o prefeito, a destruição que ainda contou com ajuda de três motociclistas que camuflaram as placas das motos, é um desrespeito à democracia. “O vereador é líder do candidato a prefeito. Isso é sinal desespero e desrespeito. Isso não muda voto. É um desrespeito à democracia e todos os envolvidos serão penalizados nos próximos meses”, finalizou o prefeito.

O vereador César Oliva disse pelas redes sociais que não concorda com coisas erradas e que as imagens são “inconclusivas”. Disse ainda sofrer taque político há três dias das eleições e confirmou a exoneração dos assessores para que eles possam trabalhar em suas defesas até que o caso seja elucidado

 

Durante a madrugada foram danificadas 1,2 mil placas com propaganda eleitoral; um carro e três motos foram flagrados por câmeras. Foto: Divulgação

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações