29 de julho de 2021

Atividades essenciais no ABCD poderão funcionar somente até 19h

Mais visitadas

Decisão foi tomada pelos prefeitos em assembleia realizada pelo Consórcio Intermunicipal para conter avanço da Covid-19

 

Decisão foi tomada pelos prefeitos em assembleia realizada pelo Consórcio Intermunicipal para conter avanço da Covid-19. Foto: Divulgação

 

Com o objetivo de conter a aceleração da pandemia do novo coronavírus, os prefeitos do Grande ABC, reunidos na quinta-feira (18/03) em assembleia extraordinária do Consórcio Intermunicipal Grande ABC, deliberaram, em caráter temporário e excepcional, que a partir deste sábado (20/03), as atividades essenciais na região poderão funcionar até as 19h.Oos setores que antes poderiam funcionar até as 21h,

O horário estipulado não se aplica aos hospitais públicos e privados, aos serviços de saúde de urgência e emergência, às farmácias, aos laboratórios, às óticas, aos hospitais veterinários e demais serviços de natureza essencial ao funcionamento dos serviços de saúde, bem como à atividade industrial, de telecomunicação e segurança.

A medida vale enquanto durar a fase emergencial do Plano São Paulo, inicialmente prevista para terminar em 30 de março. A restrição será regulamentada por meio de decretos das prefeituras.

A Prefeitura de Santo André já publicou o decreto nesta sexta-feira (9/03) . A  partir deste sábado (20), os setores que antes poderiam funcionar até as 21h, deverão encerrar as atividades às 19h. As regras valem enquanto durar a fase emergencial,  inicialmente prevista para terminar em 30 de março.

“Precisamos conter o avanço dos casos de Covid-19 em Santo André para manter a nossa capacidade hospitalar instalada, para que nenhum andreense fique sem atendimento médico. Enquanto a vacina não chega em grande escala, a única maneira de frear o vírus é com distanciamento social. Por isso, faço um apelo: respeitem as restrições de circulação, não participem de aglomerações, usem máscara a todo o tempo e intensifiquem a higiene das mãos com álcool em gel. É preciso união, respeito à vida e solidariedade para que Santo André resista a esta fase mais aguda da pandemia”, afirmou o prefeito Paulo Serra.

Entre os segmentos autorizados a funcionar até as 19h estão Alimentação (supermercados, padarias, açougues, feiras livres, etc), Transporte (estabelecimentos de locação de veículos, oficinas mecânicas, lojas de autopeças e estacionamentos), Abastecimento (distribuição e logística, agroindústria, transportadoras, armazéns e postos de combustível), Segurança pública e privada, Comunicação Social (empresas jornalísticas e de radiodifusão, de som e imagens), Construção Civil e Indústria.

Também estão liberados a funcionar até este horário outros serviços como hotéis, lavanderias, serviço de limpeza, de manutenção e zeladoria, bancários, lotéricas, cartórios, correios, call centers e bancas de jornais.

As demais regras da fase emergencial em Santo André não sofreram alteração.

Das 22h às 4h, segue restrita a circulação de pessoas e de veículos no município, além da determinação de fechamento dos estabelecimentos comerciais essenciais. Os serviços de delivery podem operar até 0h.

A circulação de ônibus continuará suspensa entre 22h e 4h, durante o período da fase emergencial. Estão autorizados a funcionar irrestritamente apenas serviços de Saúde de urgência e emergência, farmácias, laboratórios, hospitais veterinários e transporte privado de passageiros, como táxi e aplicativos.

São Bernardo

O prefeito Orlando Morando também já fez o decreto. “Trata-se do momento mais desafiador para todos nós nessa pandemia, por isso é fundamental que cada um de nós nos cuidemos em prol de si, mas muito também em favor do próximo. Continuar usando máscaras, álcool em gel nas mãos e, na medida do possível, mantendo distanciamento social são ainda práticas efetivas para evitarmos a circulação, ainda maior, desse vírus. Assim, também como mais uma forma de desestimular interações maiores e aglomerações, ampliamos o período do toque de recolher para a nossa cidade”, explica o prefeito Orlando Morando.

O decreto reforça ainda os cuidados com o protocolo sanitário, como a obrigatoriedade de aferição de temperatura dos clientes, uso de álcool gel 70% por funcionários e clientes, uso contínuo de máscaras nos estabelecimentos, distanciamento de 1,50m entre as pessoas e, se necessário, com identificação assinalada no chão, higienização de carrinhos e cestas a cada uso, no caso de mercados, e implantação de horários diferentes para abertura e execução das atividades, quando possível.

FORA DE OPERAÇÃO – Como forma de evitar maior circulação das pessoas, parques e praças da cidade seguirão fechados. Não podem funcionar presencialmente escritórios, comércio de rua, shoppings ou galerias comerciais, ambulantes, restaurantes e buffets, clubes sociais ou esportivos, academias, floriculturas, salões de estética e beleza, barbearias, cursos livres, cinemas, teatros, boliches, concessionárias de veículos, perfumarias, lava-rápido de veículos, lojas de materiais de construção ou de limpeza, serviços de assistência técnica e produções audiovisuais. Igrejas e templos religiosos devem permanecer fechados, sendo autorizado transmissão online, sem presença de público.

CENTRAL DE TELEATENDIMENTO – Para sanar as principais dúvidas dos munícipes, a Prefeitura dispõe da Central de Teleatendimento do Atende Bem, por meio dos números 0800 77 08 156 ou (11) 2630-4650. Gratuito, o serviço funciona das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira.

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações