16 de janeiro de 2022

Após Sindserv definir mobilização, Sto.André manterá negociação de dissídio

Mais visitadas

Administração marcará novas conversas para debater reajuste salarial; categoria reivindica 3,07%, além de mais R$ 100 incorporados ao salário

Paço de Santo André manterá discussão de dissídio com servidores. Foto: Divulgação/Consórcio Intermunicipal

 

Um dias depois de o Sindserv (Sindicato dos Servidores Públicos de Santo André) anunciar a convocação de uma assembleia para esta quinta-feira (17/05) para discutir um plano de mobilização da categoria, o governo do prefeito Paulinho Serra (PSDB) informou por meio de nota que agendará mais rodadas de negociação para definir o índice de reajuste dos salários. A data base do funcionalismo é 1º de abril.

A Prefeitura de Santo André segue em negociação com o Sindserv para definir os termos do acordo coletivo do presente ano. O tema é amplo e reúne os mais diversos detalhes, que continuam sendo debatidos. Novas conversas estão sendo marcadas para a continuação do debate e em breve os resultados serão conhecidos”, informou a Administração.

A Prefeitura quer repor inflação de 2,68% calculada pelo IPCA dos 12 meses, enquanto o Sindserv reivindica 3,07% medida pelo IPC/DI- FGV, além da incorporação de R$ 100 nos salários. Ao alegar dificuldade financeira, o governo não chegou a um consenso com a categoria.

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações