Alunos de São Caetano recebem kits escolares e auxílio-uniforme

Prefeitura investiu mais de R$ 4,5 milhões no programa de uniforme e mais R$ 1,3 milhão na compra de material escolar

 

Prefeito Auricchio entrega a alunos material escolar e auxílio-uniforme nos primeiros dias de aula. Foto: Divulgação/PSCS-Letícia Teixeira

 

A escolas municipais de São Caetano retomaram nesta segunda-feira (10/02) as suas atividades e todos os alunos da rede – cerca de 22 mil – já têm à disposição kits de material escolar e auxílio financeiro da Prefeitura para a aquisição de uniforme. “Era nosso compromisso entregar esses benefícios no primeiro dia do ano letivo”, destaca o prefeito José Auricchio Júnior.

Auricchio visitou duas escolas – a Escola Municipal de Ensino Fundamental Leandro Klein e a Escola Municipal de Educação Infantil Primeiro de Maio – para fazer a entrega simbólica dos kits de material escolar.

Ao lado do secretário de Educação, Fabricio Coutinho, o chefe do Executivo também anunciou o depósito de R$ 215 nas contas bancárias de pais ou responsáveis para a aquisição do uniforme em confecções da região.

“Na terça-feira (11/2) o valor já estará na conta e os pais já poderão fazer as encomendas. O Auxílio Uniforme Escolar é um programa pioneiro e solucionou os problemas de atrasos que enfrentávamos antigamente. Hoje é modelo para a rede municipal de São Paulo”, disse Auricchio. A Prefeitura de São Caetano investiu mais de R$ 4,5 milhões no programa.

Já para a compra de material escolar foram investidos cerca de R$ 1,3 milhão. Foram adquiridos kits específicos para cada etapa de ensino (Educação Infantil, Fundamental I, Fundamental II, Ensino Médio e EJA – Educação de Jovens e Adultos), por meio da participação da Ata de Registro de Preço do Governo Federal (FNDE).

Na escola Leandro Klein, os alunos do Fundamental ficaram eufóricos ao descobrir que receberiam até calculadoras no kit.  O chefe de cozinha Rodrigo Moreira Lima, pai de Lorena, do 6º ano, apoiou a iniciativa. “Esses benefícios ajudam bastante no orçamento. No começo do ano sempre temos muita coisa para pagar e essa ajuda é bem-vinda.” Ele também aprovou a implantação do Programa Almoço na Escola que, desde o ano passado, é servido em todas as escolas de meio período da rede municipal, a exemplo do que já ocorria nas escolas de tempo integral. “A Lorena adora vir almoçar junto com os colegas e tem elogiado muito a comida.”